domingo, 25 de julho de 2010

Sonhos e 'viagens' *-*

Garoto dos meus sonhos,
Passei a tarde pensando em você. Assim, pensando por pensar. Não que eu esteja apaixonada. Nada disso. Jamais. Até porque, seria, no mínimo, maluquice.
Isso mesmo. Ma-lu-qui-ce! Posso dizer, com toda a certeza, que o único maluco dessa história é você.
Posso dizer, ainda, que tu es um tanto abusado. Pensas que pode chegar assim, como quem não quer nada, sentar ao meu lado, tirar o livro que estou lendo de minhas mãos, tocá-las e, depois disso, me beijar tão apaixon... Acha que pode fazer isso?
Acha que pode dizer que me ama, e ainda me chamar de boba ao ver minha cara estupefata diante de tanta ousadia?
Acontece que eu não posso me deixar levar por um desconhecido. E, além do mais, ainda que você seja um pouco, bem pouquinho encantador, o único sentimento que brotou em mim, depois do nosso estranho encontro, foi de curiosidade. Quem é você, e de onde veio?
E quer saber, conheço bem o seu tipo... Sei bem que nunca mais você vai aparecer. É o que vocês fazem, não é? Deixam-nos completamente apaixonadas e, depois disso, somem!
Ah, sim, claro, não que você tenha me deixado assim...
Tudo bem. Confesso que eu queria ter ficado um pouco mais. Sabe, para entender o motivo de tudo isso.
Queria poder ter tido tempo para ter feito mil perguntas ou até reprimir sua atitude. Mas não pude sequer perguntar seu nome.
Já era dia, e meu despertador obedeceu seus comandos.
Ai ai.
A verdade é que, já acordada, enquanto suspirava lembrando do sonho que acabara de ter, foi impossível não pensar: ‘É garoto dos sonhos... Que beeeijo!’

*Texto fictício

3 comentários:

  1. noooossa que texto, lindo!
    amei, amei, amei!
    vou ler teu blog sempre...
    (to seguindo :) )
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  2. Seus posts são mais que perfeiiiitos! =]
    Bj:*

    ResponderExcluir

Comente aqui.